12/02/09

Vem felicidade...



Toca-me com tuas mãos macias e firmes.
Envolve-me nos teus braços,
Fazes com que eu feche os olhos.
Penetras no meu coração trancado...

Trazes uma lágrima embrulhada de presente.
Um sorriso num pedaço de jornal.
Uma margarida cheia de vida, arrancada de um jardim alheio...

Vem...
Deixa-me fingir que sou forte.
Deixa-me fingir que não te quero.

Fazes-me ter medo.
De ti, de mim.


Vem felicidade...
Sei que assusta, mas quero-te encarar de frente!

3 comentários:

Carla por dentro disse...

Se vires a felicidade de frente abraça-a logo com toda a força dos teus braços...
bjinhos

Paulo Morais disse...

A felicidade não vem ao acaso...não é um autocarro com paragem certa e hora marcada. A felicidade Procura-se...essencialmente dentro de nós...se formos felizes connosco próprios, seremos felizes com qualquer pessoa! :-)

*flor* disse...

Ter medo da felicidade é como ser um pássaro com medo de voar.

Se ela te bater à porta abre-a porque viveríamos se não fosse para sermos felizes?

=D

beijito